irmavera187Estimados(as) líderes, coordenações:

Inicia-se mais um mês e quero, primeiramente, agradecer a cada um de vocês pelo empenho na missão. Sei que a luta é grande e que a graça de Deus não falta àqueles que no seu dia-a-dia dispõem do seu tempo para anunciar a pessoa de Jesus Cristo, através de gestos concretos.

Neste mês, temos vários momentos importantes. É o mês do Sagrado Coração. Este coração que nos amou e continua nos amando até o fim. Foi o próprio Jesus que nos disse "Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração." (Mt. 11-29) Quem sabe este versículo bíblico pode nos ajudar também na nossa missão! Quanta mansidão e humildade precisamos para continuar a nossa missão de discípulos-missionário, numa Igreja em estado permanente de missão a serviço da vida em todas as suas instâncias" (cf. DGAE nº 29).

Neste mês de junho, nosso povo celebra vários santos com festas que têm um caráter muito simples e popular. Você os conhece: no dia 13 de junho, festejamos Santo Antônio; o dia 24 é dia de São João; e São Pedro é comemorado no dia 29 de junho.

Realmente, as festas são momentos de alegria e de encontro para festejar os santos, mas precisamos ter muito cuidado com as nossas crianças.

Em várias regiões do Brasil acontece a famosa Festa Junina. Em alguns lugares, as pessoas são bem criativas, procurando meios para aquecer o ambiente da festa, como a fogueira, comidas e bebidas quentes, quentão, vinho quente, canjica, milho cozido, arroz doce, broa de fubá e de milho.

Por ocasião destas festas, assim chamadas populares, nosso povo se reúne com fogueiras e comidas típicas. São momentos importantes em que nossas comunidades se reúnem para uma convivência saudável. As prosas vão longe e todos sentem-se felizes por estar com os amigos.

Mas, nestas festas, há também o costume de soltar fogos de artifício. São bombinhas que as crianças gostam de jogar ao chão. São fogos que sobem para o alto. Enfim, mexe-se muito com fogo, não só das fogueiras, mas também das bombinhas.

E aí está um grande perigo para as nossas crianças, sobretudo as que são acompanhadas pela Pastoral da Criança e que não percebem o perigo de estar perto, muitas vezes, de outras crianças maiores que estão mexendo com bombas.

Uma queimadura nestes casos se torna grave e, por vezes, irreparável. Há necessidade de muito cuidado para que isto não ocorra.

É bom as mães participarem destes momentos bonitos de nossas comunidades, mas não podem descuidar de seus filhos pequenos. Não devem deixá-los sozinhos, mas sim acompanhá-los em todos os momentos. Isso evitará muita tristeza para as nossas famílias acompanhadas. É uma época que requer muita atenção para com nossas crianças. É preciso redobrar o cuidado.

Você, líder, nas visitas domiciliares e na Celebração da Vida deste mês converse com as mães sobre este assunto. Fale com elas sobre os perigos das crianças se aproximarem demais das fogueiras; dos perigos de acompanharem seus irmãos maiores que mexem com bombinhas.

Se você tiver condições de participar destas festas juninas em sua comunidade, fique atento às crianças, pois um pequeno descuido das mães pode ter consequências sérias para a saúde das crianças. Converse com os outros líderes de sua comunidade sobre estes assuntos.

É importante cercar as crianças de todos os cuidados, para vê-las com muita saúde e crescendo fortes e sadias. Assim, estarão se preparando para serem adultos saudáveis.

Deus se alegrará com você pelo cuidado que você tem com os outros, que são filhos do mesmo Pai.

Mais uma vez o meu agradecimento a você, a quem Deus confiou a missão de participar da família Pastoral da Criança. Coloco, você, sua família e suas necessidades no Sagrado Coração de Jesus, para que Ele continue fortalecendo ainda mais sua missão.

Com carinho e estima,

Irmã Vera Lúcia Altoé

Coordenadora Nacional da Pastoral da Criança

Congregacão Imaculada Conceição de Castres - CIC • Irmãs Azuis

Любое материальное средство не слишком полезно, когда его используешь против могущественного демона.

И по мере того, как Римо оставлял позади себя окна, по мере того, как крыша здания становилась все ближе и ближе, к нему возвращалась былая легкость.

В скрытых от глаза бункерах, которых здесь было больше, чем где бы то ни было за пределами России, хранилось "базы данных библиотека скачать" самое современное оружие, каким располагал Восточный блок.

Logo museu da vida horizontal 012

banner2

banner2

educacao etica3

Viva a Vida2

banner rouanet